quinta-feira, 22 de abril de 2010


Ontem...
Mais um dia em que nada parecia bater certo.
O meu estado era igual aos últimos dias.
Mas ontem e só ontem permite-me chorar durante 30 minutos, disse para mim mesma que me bastava 30 minutos para deixar sair experiências de 2 anos.
Pensei em tudo e em todos, nos que estiveram e agora já não estão pelas mais variadas razões.
Aprendi que quem gosta fica sempre e não só as vezes e ainda que quem ama não esquece e volta sempre para o lugar de onde não devia ter saido, que volta a dar-me a mão e caminha comigo por ruas e calçadas e não se importa com mais nada.
Ontem...
Foi o dia em que me permiti chorar durante 30 minutos e bastaram 30 minutos para entender que tinha chegado o dia em que finalmente te esqueci.

Sem comentários:

Enviar um comentário